Indian Chieftain – Lançamento e Preço da Nova Moto



  

Confira aqui o preço e as principais novidades presentas na nova Indian Chieftain.

Se existiam dúvidas elas provavelmente estão perdendo força com o tempo, isso porque a Indian Chieftain, ao que parece, não está com medo ou receio algum de investir em tecnologia, sem esquecer um lado que consagrou a marca: seu visual.

A Indian Chieftain será fabricada na cidade de Manaus, estado do Amazonas.

Até o presente momento a informação é de que os preços iniciais partem de R$ 99.990. Tem algo nessa moto que vale a pena de se destacar. Muita gente (e a maioria especialistas) não chegam a um consenso de que tradição e modernidade podem sim se dar as mãos e andarem juntas sem problema algum. A Chieftain, ao que parece, veio não apenas provocar, mas também provar que é possível quando o trabalho é bem feito.

A moto chegou oficialmente no Brasil neste ano. Além da tecnologia e de dar continuidade ao padrão visual que não foi deixado de lado, também temos informações sobre os seus principais aspectos.





Em primeiro lugar, de série, a Chieftain conta com freios ABS e travamento remoto das malas laterais, além de entrada USB e Bluetooth, sistema de som com rádio AM/FM, monitoramento de pressão dos pneus, partida sem chave e controlador de velocidade de cruzeiro.

Como é de lei toda custom chamar a atenção, com a Chieftain não poderia ser diferente. Uma das principais coisas que logo de cara atrai qualquer olhar é a presença de forma excessiva de cromados. O acabamento da moto entra na linha de uma boa qualidade, apresentado um visual bem limpo. Isso é bem perceptível quando vemos que a marca conseguiu esconder toda a fiação relacionadas aos punhos de comando dentro do guidom. No mais, ainda podemos ressaltar o painel que traz o velocímetro, hodômetros digital e parcial, tela digital com dados de consumo, temperatura e conta giros. Tudo mostrado ao piloto com uma boa visualização.

Há vários outros aspectos que também chamam a atenção. Acrescentando à lista estão alguns detalhes. Um bom exemplo é o War Bonnet, que nada mais é do que o índio que se tornou símbolo oficial da marca. Ele é iluminado no para-lama dianteiro e este, por sua vez, ainda continua alongado e curvado. Fato que é marca registrada da fabricante desde os modelos Indian que foram lançados em 1934.

Por Denisson Soares



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *