Nova Classificação de CNH para Motociclistas



  

Projeto de Lei que cria nova classificação de CNH para Motociclistas é aprovado. Mudança cria subcategorias de acordo com a cilindrada das motos.

Esse artigo vai interessar e muito a todos os motociclistas de plantão, pois foi aprovado nessa segunda-feira (3) o projeto de lei 3245/15, cuja autoria foi do deputado Ronaldo Fonseca (Pros-DF), que prevê algumas mudanças na carteira nacional de habilitação (CNH) de motociclistas, de acordo com a cilindrada da moto.

O projeto foi aprovado pela Comissão de Viação e Transportes e recebeu um aval positivo por parte do relator Gonzaga Patriota (PSB-PE). O texto do projeto prevê algumas modificações em relação ao original e determina que a categoria A, destinada a condução de motocicletas de qualquer cilindrada, vai ter outras subcategorias que será feita da seguinte forma: A1 para motos com até 300 cilindradas, A2 para motos com até 700 cilindradas e categoria A3 para todas as motos.

Para todos os que desejam tirar a carteira nacional de habilitação, independentemente de qual subcategoria for, terão que obrigatoriamente fazer um curso de direção em um ambiente de circuito fechado, antes de fazer aulas em vias públicas, segundo o projeto de lei. Todo esse procedimento é necessário para se evitar acidentes com outros automóveis e pedestres na rua. O treinamento básico com noções de direção e condução da motocicleta deverá ser feito em um ambiente que não ofereça risco para ninguém.





Ainda de acordo com o autor do projeto, o outro objetivo é não permitir que os candidatos a tirar a habilitação façam a prova de direção em motos de cilindrada menor que o mesmo que vai usar no cotidiano. Além do mais, esse teste vai permitir que haja uma dosagem do teste de rua a moto que será conduzida pela pessoa. As diferentes provas que serão aplicadas para cada subcategoria serão de caráter eliminatório e toda a regulamentação da lei será definida pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN).

Vamos esperar e ver se tudo isso vai funcionar como deveria, pois se der certo e se a moda pegar, vai ser um excelente início. Se você está querendo tirar carteira para conduzir moto, é melhor ficar atento as novas mudanças na lei e preparar o bolso para uns gastos a mais. Tomara que não tenha muita burocracia quanto aos processos.

Rodrigo Souza de Jesus



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *