Royal Enfield Classic 500 – Relançamento da Moto, Características

A clássica moto dos anos 50 foi relançada e traz apenas de alguns poucos itens em termos de tecnologia e de modernização.

Entre as grandes revelações da atualidade, em termos de duas rodas, está o relançamento de um clássico das motos da década de 50.

Ao avaliar a ressurreição de um modelo antigo da Royal Enfield, os responsáveis adicionaram: Classic 500. Concebida dos anos 50, naquela época ela estava munida apenas de alguns poucos itens em termos de tecnologia e de modernização. A sua estrutura e eficiência foram mantidas, na quase totalidade, equivalentes aos concebidos pelas montadoras da época, sobre as linhas de motos até então produzidas. No mundo Vintage, por assim dizer, é assombroso o grande número de admiradores e de consumidores que adquirem esse modelo justamente por ser uma “réplica” da original de mais de cinco décadas. Ou seja, a Royal Enfield Classic 500 é muito cobiçada.

A nota publicada pela companhia indica o seguinte: o relançamento da Royal Enfield Classic 500 exigiu um tipo de suspensão temporária dos padrões e critérios regularmente utilizados para a realização de testes dessa espécie, o que acarreta na questão de que o produto final não possa acrescentar nada a mais de útil ao consumidor interessado em adquirir a moto, pela admiração que tem pela mesma. A clássica é uma das mais cobiçadas pelos aficionados. É literalmente o relançamento da mesma moto, sem muitas mudanças.

Entretanto, no sentido de garantir uma qualidade mais condizente com os padrões atuais, foram realizadas pesquisas em arquivos de memórias que permitiram aos engenheiros encontrar estruturas mais parecidas, tecnicamente, com a concepção da clássica, inspirando-se nas motos alemãs MZ, de design e maquinário robustos, prescindindo de muito luxo, munidas de motores em 2 tempos, com grande resistência, lançadas em solo brasileiro na década de 80, com a chancela da FBM.

Esta clássica moto, equipada com motor de 500 CC, foi criada para a utilização regular nas rotinas urbanas e para pequenos passeios em outros tipos de terreno, dado que esse modelo chama muito a atenção pela sua clássica beleza.

Por ser um dos melhores designs este é o seu maior apelo comercial. A Royal Enfield consiste em uma marca inglesa, sua fabricação, porém, é indiana, mas, esta é a única empresa produtora de motos em todo o mundo que permaneceu mais tempo atuante sem qualquer interrupção, desde o ano de sua fundação em 1901. Portanto, trata-se de um produto de alta categoria e confiabilidade.



No que tange à sua ficha técnica, a Royal Enfield Classic 500 possui os seguintes atributos:

Custa em torno de R$ 22.400,00, pela tabela FIPE, com zero km; o motor possui um cilindro, mais 4 tempos, e refrigeração a ar, OHV; desempenho de 499 CC; as suas medidas são, entre Diâmetro e Curso, de 84 mm por 90 mm; a taxa de compressão é de 8.5:1; sua potência integral é de 27.2 CV e de 5250 rpm; seu torque máximo é de 4,2 em kgf.m e 4000 de rpm; seu sistema de ignição é de tipo eletrônica digital; a embreagem opera por Multidisco a banho de óleo; munida de um Câmbio de cinco marchas; a lubrificação é de tipo Carter úmido e 15W 50 API e SL Grade & above, tipo JASO MA; sua alimentação se dá por Injeção Eletrônica a combustível; o filtro de ar é de tipo Filtrante de Papel; a partida é elétrica e a pedal; munido de Chassi Tubular produzido em aço, sendo que o motor faz parte da sua estrutura; sua suspensão dianteira possui a Garfo telescópico de tubos em 35 mm e curso de 130 mm; na suspensão traseira estão instalados os dois amortecedores à gás, com ajuste da pré-carga e o curso de 80 mm; medida da distância de entre eixos é de 1360 mm; a distância livre em relação ao solo é de 135 mm; comprimento total é de 2140 mm; largura total é de 790 mm; altura total de 1090 mm; a altura do assento é de 800 mm; seu peso integral é de 190 Kg, abastecido com 90% do combustível e do lubrificante; tanque com capacidade de 13.5 litros; os pneus dianteiros 90 por 90, aro19; pneus traseiros em 110/ por 80, aro 18; freio da dianteira munido de disco único em 280 mm, junto da pinça com dois pistões; o freio da traseira é de disco em153 mm; seu sistema elétrico é de 12 volt. CD; a Bateria em 12 volt – 14 Ah, lanterna dianteira em 60 – 55 W, tipo Halógena e a lanterna traseira em 21W -5W.

Vale a pena conferir este clássico.

Por Paulo Henrique dos Santos

Royal Enfield Classic 500

Royal Enfield Classic 500



Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *