Nova Dafra Apache RTR 200 2020 – Novidades, Análise e Preço





Modelo chega ao mercado para disputar espaço entre as motos de 150 e 250 cc.

A Dafra é uma empresa brasileira que, ao longo do tempo, consolidou o seu nome no setor motociclístico, graças à eficiência dos modelos que levam pelas estradas do Brasil a sua marca e ao custo-benefício que sempre apresenta, tornando as suas motos bens mais próximos da população.

Além de ganhar a devida notoriedade entre outras marcas mais antigas e já consolidadas, a Dafra é capaz de inovar em sua postura de mercado e pensar em aproveitar nichos que os seus concorrentes não costumam explorar muito. O modelo mais recente que faz parte dessa estratégia é a Apache RTR 200, uma motocicleta da categoria street que é mostrada aos consumidores como um meio termo entre as famosas cilindradas de 150cc e 250cc. Confira a seguir mais informações sobre essa novidade!




Primeiras características que chamam a atenção na nova Dafra Apache

A Dafra Apache RTR 200 teve a produção realizada pela empresa indiana TVS, enquanto a montagem foi feita pela própria Dafra na cidade de Manaus (AM). O envolvimento de mais uma empresa no processo não atrapalhou no resultado final, pois o acabamento é ótimo e o design é bem moderno.

A pintura da Apache foi pensada para pessoas que gostam de cores fortes sem, necessariamente, perder a discrição. Há versões em preto metálico e em vermelho fosco, sendo que ambas contribuem para que o veículo, junto com as curvas mais anguladas do design, transmita uma ideia de sofisticação, mesmo com um preço justo para a categoria: R$ 12.490, incluindo o frete.


A tecnologia também apresenta sofisticação

O painel digital da Apache possui velocímetro, conta-giros, indicador de marcha, relógio, hodômetros e marcador de combustível, ou seja, completo. Um sistema de shift-light avisa sobre o uso da marcha esticada.

O motor de 4 válvulas da Apache tem dados que sugerem muita eficiência. Sua capacidade é de 197,75 cm³, com comando simples e o arrefecimento que funciona a ar. A potência máxima é de 21,02 cv a 8.500 rpm e chega a 1,85 kgf.m na faixa de 6.500 giros.

De modo geral, a Apache possui um desempenho agradável para quem pilota, com um bom torque para andar pela cidade sem depender muito do câmbio com total de 5 marchas. A embreagem desliza bem e isso torna o processo de acionar o manete mais simples, além de possibilitar que a roda trave menos em reduções de velocidade súbitas.

Desempenho da Apache na prática

O motor não apresenta grandes problemas ruídos, mas começa a vibrar um pouco quando a rotação ultrapassa os 7.000 giros, mas é difícil chegar a esse ponto. Nos 4.000 giros, a Apache é capaz de subir uma ladeira com tranquilidade, não precisa reduzir a marcha. Manter 110 km/h na estrada não é um problema para a motocicleta.

O tanque de 12 litros possibilita muita economia no trânsito da cidade, com média esperada de mais de 30 km/l. Com o tanque cheio, é provável que a autonomia total chegue aos 350 km.

Em resumo, o design sofisticado, o desempenho satisfatório e o preço convidativo da Apache RTR 200 formam um conjunto perfeito para quem procura uma moto que tenha mais potência do que as populares categorias 150cc sem gastar muito dinheiro, como acontece com as 250cc.

Gostou destas informações sobre o novo modelo da Dafra, a Apache RTR 200? Então, compartilhe o texto com outras pessoas que estão à procura de um ótimo custo-benefício para pilotar em diversos trajetos, como no dia a dia das cidades e em eventuais viagens pelas estradas e rodovias do país, ou com aquela galera que é entusiasta do motociclismo.

Ricardo R.

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *